Falando em Forró: Lançamento Banda Amor Selvagem

Em terra de Forró Ostentação, quem faz forró romântico com estilo é rei. Partindo dessa premissa que o forró atual anda menos (mas não totalmente) preocupado com as coisas do coração, pois cachaça, carrão e novinhas realmente não saem do coração e sim da futilidade da mente nossos jovens de classe média nordestina.
Apresento-lhes o Forró Sergipano da Amor Selvagem. A banda traz um fôlego novo para o forró com uma pegada romântica e vozes gostosas de se ouvir. Amor Selvagem, Então vem, Ligação perdida e Metades são algumas das inéditas, as outras são hits do momento (só românticas, fique claro) e uma ou outra música mais batida. A banda surge como fôlego neste fim de ano e é daquelas pra gente ”ficar de olho” e baixar pro nosso pendrive do sucesso :)

LINK: http://www.suamusica.com.br/#!/ShowDetalhes.php?id=506137

1416491705

CD: Calcinha Preta ao vivo no Hangar 2009

Calcinha Preta estava detonando em todo o país com música na novela e a alegria contagiante do repertório da época. Muito diferente da sonoridade clássica da banda mas que com certeza marcou época no coração dos fãs!

LINK: http://www.suamusica.com.br/#!/ShowDetalhes.php?id=506391&calcinha-preta-fortaleza–2009-www.forro.wordpress.com.html

CD: Banda Magníficos ao vivo em Recife 18.05.2007

Show antigo pra relembrar. A formação era Wal, Samya, Juarez Jr e Max, a qualidade do show está muito boa e o repertório com clássicos da banda e os sucessos da época!

LINK:  http://www.suamusica.com.br/#!/ShowDetalhes.php?id=506384&magn%C3%ADficos-recife-pe-18-05-2007-www.forro.wordpress.com.html

Walkyria Santos é definitivamente Solteirões

Walkyria Santos mergulhou de cabeça na nova fase. O cd ao vivo com a sua estréia está na praça e tendo boa repercussão entre fãs da banda e da loira. Vejam o que ela postou hoje no instagram

IMG_8463.JPG

Falando em Forró: Samya Maia – O forró também é seu

Sendo um pouco irônico, tudo indica que 14 anos não são 14 dias. Samya chegou a Magníficos depois de já agradar a nós que ouvíamos a banda cearense Zanzibar e basicamente só essa porque ela, como poucas, não é de pular tantos galhos e resolveu fazer uma carreira sólida e certeira. Esse não é um texto de canonização e não parte de alguém que conhece samya pessoalmente mas que já viu a mesma diversas vezes em palcos, TV e DVD e verdade seja dita: injustas as Indiretas que ela não tem cacife pra levar a Magníficos sozinha porque se muitos esquecem, vale lembrar que ela veio num tempo difícil e deu vida a uma Magníficos ovacionado pelo público que perdera Wal e estava a beira de perder Luciene e fez muito bem sozinha e ao lado de Simone Lessa, Eri, Neno, Juarez, Max e construiu seu nome no forró! O grupo tem seus defeitos, só esse ano entraram 3 vocais novos e saíram dois veteranos mas isso não vem ao caso agora e deve ser motivo de horas de auto análise prós produtores e empresários da banda no momento.
Não há razões para dizer que ela (Samya) é incapaz de interpretar os clássicos da banda, isso já aconteceu e com maestria. Se você nunca a ouviu cantando Tentando me evitar, Me usa e Apaixonada, corre atrás que é bem bonito! Caso você tenha preferido a original, tudo bem, é uma questão de gosto e direito de cada um de nós. Não sejamos tolos e criemos (mais) atritos entre Walkyria e Samya, se até elas se respeitam publicamente adotando o silêncio em relação ao que sei lá pode ter acontecido, o que eu e você forrozeiros temos com isso agora? Parafraseando o ditado popular, nem Luiz Gonzaga agradou a todos. Você pode achar ela abusada, fútil e metida mas nunca acusá-la de má profissional ou que ela ainda precisa provar algo pra alguém. O forró não começou ontem e muitos têm histórias firmes, talvez nossos fãs e assessores recentes que decidiram ser mais inflamados, magoados e passionais que de costume e isso sim é algo que poderia ser repensado em busca de um forró mais maduro. Por fim, esse é meu reconhecimento e desejo de sucesso público; mais respeito à Samya Maia!

IMG_8358.JPG

Falando em Forró: Uma opinião sincera sobre Desejo de Menina

IMG_8328.JPG

A Desejo está levando a sério demais essa história de ser uma banda de forró POP adolescente (senão nitidamente, na prática as letras recentes são versões de hits internacionais que servem como base pra letras redondinhas que falam de amor). A imagem da banda preenche bem os olhos de quem a consome de alguma forma (material gráfico de divulgação bem pensado, cantoras/res bonitas/os) mas o foco do forró deveria ser os ouvidos! Particularmente respeito muito a qualidade do trabalho da DM, tem uma identidade rara no ritmo e, como vocês sabem eu defendo e aprecio o forró romântico profundamente, mas fico impressionado como algumas pessoas acham o máximo e eu consigo achar somente um grupo tecnicamente perfeito mas que ainda precisa caminhar muito no forró pra de fato ser “a mais romântica” e a melhor do Brasil. Fato que enquanto eles estão tentando melhorar com erros e acertos em seus CDs, DVDs e turnês, tem muita gente acomodada na marca que criou e que vem sucumbindo no forró. Estou de olho no trabalho deles e “desejando” o que há de melhor porque muito do que eles fazem é o que o forró merecia como lei: preocupação com a qualidade em todos os quesitos das bandas

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 17.828 outros seguidores